a

O grupo da Sala Castanha descobriu a arte do Origami… esta arte milenar, originária do Japão que permite criar os mais diversos objetos e imagens apenas através de dobragens geométricas em folhas de papel!

A primeira criação foi um marcador de página em forma de sapo, associado ao registo da dramatização da história “A Princesa e o Sapo”.

 

Tendo sido demonstrado muito interesse sobre o assunto, deu-se inicio a um novo projeto: Origamis! As crianças partilharam o que já sabiam sobre o tema, disseram o que ainda gostariam de saber e pensaram também como poderiam descobrir mais sobre dobragens em papel.

As famílias foram convidadas a participar e rapidamente surgiram surpresas, muito criativas e originas, que estimularam a imaginação, curiosidade e desejo de aprender mais e experimentar.

Entre dobragens em papéis coloridos, folhas de revista e jornais, ainda tiveram oportunidade de descobrir onde fica localizado o Japão no mapa-mundo, e conhecer a forma da sua bandeira, que este país é constituído por muitas ilhas e que a sua língua se escreve com caracteres “muito diferentes das nossas letras”!

Esta atividade detinha os objetivos gerais de:

- Estimular a motricidade fina (músculos, nervos e ossos das mãos, essenciais para a linguagem escrita e desenho, entre outros)

- Desenvolver a capacidade de memória e a atenção, bem como a capacidade de concentração (no sentido em que a ordem e a forma das dobragens)

- Promover a criatividade e a imaginação

- Estimular a perseverança e capacidade de superação de obstáculos

- Consolidar o conhecimento das formas geométricas

- Estimular a autoestima (associada à participação e mostra das criações individuais, bem como à noção de “ser-capaz”)

- Envolver as famílias e estimular a sua aproximação ao meio escolar.

Área Reservada