Inspiradas no poema “A primavera” (da autoria do Santiago e da sua irmã Constança), as crianças da Sala Azul criaram “obras de arte” muito originais.

A partir de algumas imagens reais, de recortes de imagens de flores e diferentes tipos de papel, cada criança deu continuidade a essa mesma imagem criando um desenho associado a uma estrofe do poema.

 

Esta foi uma atividade que possibilitou não só o desenvolvimento de capacidades expressivas e criativas mas, também, a utilização e exploração de diferentes técnicas e materiais… sendo a técnica dos lápis de pastel esbatidos com o dedo a descoberta que mais entusiasmou todo o grupo…

As produções ficaram muito coloridas e primaveris…

Área Reservada