Subscreva a Newsletter

Email address:

First Name:

Last Name:


“Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades”, já dizia Camões. Num mundo em constante mudança, não podemos permanecer na segurança de caminhos já trilhados e precisamos de nos renovar constantemente e de questionar antigas certezas e determinados paradigmas.

A existência ou não de trabalhos de casa tem sido um tema polémico e muito pouco consensual. De um lado, estão aqueles que encontram no famoso “TPC” uma oportunidade para consolidar os conhecimentos, vendo-o como um instrumento pedagógico; do outro, estão os que defendem que os trabalhos de casa são dispensáveis, inúteis, retiram tempo à família e violam os direitos da criança/ adolescente no que diz respeito ao seu espaço para desenvolver outras atividades.

E qual a posição do Colégio do Vale relativamente a este tema?

Como profissionais atentos e que conhecem a realidade escolar, acreditamos que a resposta certa não está na criação de uma regra aplicada em todos os casos e em todos os contextos, mas num envolvimento aluno a aluno, tentando orientá-los num modelo que responda às suas necessidades individuais. Desta forma, o “trabalho de casa” no seu formato mais “tradicional”, torna-se incompatível com o percurso que pretendemos para os nossos jovens. Na verdade, não faz sentido que um aluno que precise de consolidar um conteúdo de Ciências Naturais em casa ou que precise de reforçar uma estrutura gramatical de Inglês, esteja toda a tarde a realizar um trabalho de Matemática, sobre uma matéria que domine completamente.

No Colégio do Vale, o trabalho de casa tornou-se, deste modo, a exceção (e não a regra!), para que o trabalho em casa possa ser gerido de forma mais específica e individual. Acreditamos que os momentos de lazer são importantes, mas que o trabalho de consolidação das aprendizagens também é fundamental e que a gestão desses momentos irá contribuir para o desenvolvimento de uma criança mais segura, mais competente, mais autónoma e mais feliz!

Área Reservada