No dia 7 de dezembro, realizou-se mais um Corta-Mato Escolar do Colégio do Vale, no Parque das Quintinhas, no qual participaram os alunos do 1º, 2º e 3º Ciclos.

O evento decorreu com muita alegria, camaradagem e desportivismo e os vencedores do 1º, 2ºe 3º ciclos serão os representantes do Colégio do Vale no Corta-mato Concelhio de Almada.

É também de salientar a magnífica participação dos nossos alunos do Jardim de Infância (4 e 5 anos), cujo Corta-mato se realizou no campo de jogos do Colégio.

Parabéns a todos os participantes, parabéns aos vencedores e a todos os elementos envolvidos neste evento!

Durante esta semana os alunos do 2º ao 9º ano do Colégio do Vale participaram no desafio CodingFest, uma atividade inserida no Movimento Código Portugal que consiste num conjunto de desafios que suportam uma competição a nível nacional entre escolas do Ensino Básico. 

A atividade ofereceu aos participantes a oportunidade de aprender como construir, de forma divertida, alguns programas que ajudam um pequeno astronauta a cumprir várias missões no espaço. 

Os problemas são pedagogicamente adaptados a cada um dos ciclos (1.º, 2.º e 3.º ciclos) do Ensino Básico.

Os alunos podem ainda participar, até dia 10 através do link:

http://www.codingfest.org

As aulas de Estudo do Meio têm sido um misto de emoções, conhecer a biologia humana, é sem dúvida um desafio motivante para as crianças, mas também uma forma de se tornarem mais responsáveis pela própria saúde e higiene.

No seguimento deste estudo, os alunos do 3º ano foram ao “Museu da Criança” visitar um personagem muito especial.

As crianças saíram do Colégio entusiasmadas e cheias de expetativas… Chegadas ao local da visita, conheceram o “Senhor Corpo Humano”.

Este por sua vez, de uma maneira muito lúdica, apresentou-se de forma bastante completa.

Entre gargalhadas e muita sabedoria, percorreu-se o corpo humano, consolidando matérias e percebendo a importância de hábitos diários que nos tornam mais saudáveis!

Assinalando a Convenção dos Direitos da Criança, a Creche e o Jardim de Infância celebraram este acontecimento associando-se também ao Dia do Pijama.

Ao longo do dia, todas as crianças tiveram oportunidade de realizar diversas atividades de caráter lúdico e pedagógico dedicados a Histórias, Poesia e Música sendo que o momento mais especial foi o Concerto “Sons das Estrelas” dinamizado pelo encarregado de educação António José Santos, numa sessão de partilha de sons cósmicos com gongos, taças, harpa de cristal e um número de fragrâncias sonoras únicas em Portugal.

Todas as crianças tiveram ainda oportunidade de explorar e descobrir alguns desses instrumentos.

Foi um momento tranquilo e de muitas aprendizagens.

Os livros são verdadeiros companheiros de descoberta e sabedoria. Quando pudemos observar, mexer e experienciar, a aprendizagem completa-se.

Os alunos do 3º ano, fascinados com a aprendizagem do corpo humano, foram até ao laboratório e fizeram a mistura perfeita. Juntaram o conhecimento, adquirido nas aulas, com a enorme curiosidade de observar e sentir…

A oportunidade de mexer e ver, ao vivo, os pulmões e o coração de um porco, foi uma atividade enriquecedora e emocionante. O misto de emoções levou-os a mais uma aventura que os fez viajar por este mundo fascinante que é a aprendizagem…por momentos sentiram-se cientistas, cirurgiões ou simples observadores…

Uma experiencia que não “Vale” esquecer!!!

O sol ilumina BALBUCIA, a aldeia onde de um lado o jardineiro trata das árvores, do outro a lavadeira lava e seca a roupa.

Este sol, tão importante para todos, promove momentos de partilha onde os sons das letras, constroem palavras que musicadas constroem frases.

Esta foi a história do teatro que a Creche e as Salas Verde e Vermelha assistiram.

Todos os alunos do 1º CEB assinalaram este dia tão especial, através de uma partilha interessantíssima e a realização de vários trabalhos sobre a importância da família e dos direitos das crianças.

Na turma do 1ºB, os alunos adjetivaram a família com as palavras de amor, carinho, cuidado, beleza e diversão.

Souberam relatar factos existentes no nosso quotidiano, como existirem crianças sem família, que vivem em instituições, que no mundo há crianças que passam fome e que não têm o amor que deveriam ter por direito.

Para além do recorte, colagem e pinturas alusivas ao tema, finalizaram a atividade com um pensamento registado, sobre “A importância da nossa família”.

Foi uma atividade bastante enriquecedora, onde realçou o lado humanitário e afetivo de cada aluno.

No Dia Nacional do Pijama, os meninos da Sala Vermelha conheceram o Monstro das Cores.

Com todos aconchegadinhos e tapados, a estagiária Filipa contou uma história que ajuda a conhecer e compreender as emoções.

Um pequeno grupo desenvolveu o projeto, “O Monstro das Cores”, a partir da exploração da história.

Ao longo da história, as crianças vão percebendo as emoções através de cores. Os elementos deste grupo, tal como na história, quiseram fazer os frascos das emoções.

Juntaram – se fora da sala e começaram a encher fracos com diversos materiais e de diversas cores.

Separaram, contaram, encheram, exploraram as cores e identificaram com o nome da emoção correspondente. Para terminar o projeto “O Monstro das Cores”, o grupo juntou-se em pares e preencheram com cartolina e tecido diversos monstrinhos.              Sinopse

As emoções explicadas às crianças através das cores.

A personagem principal é um monstro que muda de cor consoante o que está a sentir. Ele não percebe porque muda de cor e a sua amiga, a menina, explica-lhe o que significa estar triste, estar alegre, ter medo, estar calmo e sentir raiva.

Cerca de 30 alunos dos 2º e 3º ciclos aceitaram o desafio da SPM (Sociedade Portuguesa de Matemática) e participaram, no passado mês de novembro, na 1ª eliminatória das XXXVI Olimpíadas Portuguesas de Matemática.

Este concurso de resolução de problemas tem como objetivo incentivar e desenvolver o gosto pela Matemática e põe à prova a qualidade do raciocínio, o rigor lógico, a capacidade de comunicar matematicamente bem como a criatividade dos alunos e está organizado em três categorias: Pré-Olimpíadas (5º ano), Categoria Júnior (6º e 7º) e Categoria A (8º e 9º).

Neste momento já são conhecidos os primeiros classificados em cada uma destas categorias:

Pré-Olimpíadas: 

1º lugar – Tomás Henriques (5ºA)

2º lugar – Gonçalo Domingos (5ºA)

3ºlugar – Edward Jankowski (5ºA), Mário Lopes (5ºA) e João Pedro Domingos (5ºB)

Categoria Júnior:

1º lugar – Ana Carolina Alves (7ºA)

2º lugar – Tomás Mineiro (6ºA)  

3ºlugar – Sara Martins (7ºA)

Categoria A:

1º lugar: Carolina Sousa (8ºB) e Sara Coelho (8ºB)

3º lugar: Tomás Rego

As Pré-Olimpíadas são disputadas em apenas uma prova que tem como objetivo despertar o interesse dos alunos para participação futura nas Olimpíadas Portuguesas de Matemática. Nas outras categorias, Júnior e A, os vencedores são selecionados para participar na 2ª eliminatória das OPM.

Parabéns a todos os participantes e boa sorte para os vencedores que, no dia 10 de março, irão disputar a fase regional.

Os alunos do 6ºA e do 6ºB, no âmbito da semana das ciências, encantaram os mais pequenos com duas histórias que contaram com muita imaginação!  

O 6ºA apresentou a "Lagarta Comilona", a simplicidade de uma história natural sobre o ciclo de transformação da Lagarta. A lagarta comia na segunda, na terça na quarta e assim por diante. A cada dia um pouco mais, uma maçã na segunda, duas pêras na terça, três ameixas na quarta, até chegar ao cinco. Ao fim de uma semana, a lagarta fica grande e gorducha, constrói o seu casulo e transforma-se numa linda borboleta! Repetição, jogo de acumulação, passagem do tempo e contagem foram os temas trabalhados com esta atividade. 


O 6ºB apresentou o "Nabo Gigante", um conto original russo que fala sobre a importância do trabalho em equipa. Um velhinho e uma velhinha viviam numa casa com 6 canários, 5 gansos, 4 galinhas, 3 gatos pretos, 2 porcos barrigudos e 1 vaca castanha. No fim do verão foram colher o único legume que ainda ficara na horta, um nabo que era gigante!  Sozinhos não conseguiram e por isso pediram ajuda aos canários, aos gansos, às galinhas, aos gatos, aos porcos e à vaca... e não conseguiram! Lembraram-se então do pequeno ratinho que também por lá vivia e finalmente arrancaram o nabo gigante! Todos juntos, em equipa, conseguimos mais do que cada um por si.

Na semana passada, os alunos do 2º ano tiveram a oportunidade de visitar o Museu da Criança, no Jardim Zoológico de Lisboa, com o intuito de participar na atividade “Brincar com a Matemática”.

Esta atividade teatral permitiu-lhes rever conceitos matemáticas de uma forma bastante lúdica e muito divertida! Tiveram ainda a oportunidade de interagir com o ator que nos recebeu participando na própria peça!

Foi uma atividade muito divertida da qual todos guardam boas recordações!

Os alunos do 1º ano, juntaram-se aos Angry Birds e juntos viveram uma aventura educativa no Pavilhão do Conhecimento e da Ciência Viva.

Fisgas gigantes e megaestruturas envolveram os nossos alunos nesta descoberta, onde a Ciência, a Tecnologia, a Arte e a Matemática estiveram presentes.

Foi assim vivido mais um momento mágico, em contextos perfeitos para complementar as aprendizagens curriculares.

No passado dia 18 de novembro , uma equipa de ténis sub 12, em representação do Colégio do Vale, competiu entre 5 colégios e 25 atletas, num torneio organizado pela AEEP.  O nosso atleta Bernardo Lopes conseguiu um honroso 3º lugar, estando também de parabéns pelo seu esforço e empenho os tenistas Tiago Pires, Gabriel Rosa e Rodrigo Rodrigues!